quarta-feira, 22 de agosto de 2012

HOMENS, E A FALTA DE DINHEIRO

Péricles Januário queria muito que Moni-Cleide entendesse sua condição financeira atual. Queria muito que compreendesse que seu humor, ou melhor, seu mau humor era obviamente explicado por isso. E bastaria a ela, então, ficar quetinha e principalmente, sem gastar!

Porque para o homem, tudo perde a graça quando ele está sem dinheiro, com excessão do sexo, claro. E do futebol. Futebol acima de tudo, salve, salve. Mas o resto? O resto fica preto e branco. Fica insignificante. E isto inclui suas mulheres. Ao menos, que elas queiram fazer sexo. Já disse isto, não é?

Então, por que raios a Moni-Cleide não entendia que o remédio para o problema era apenas fechar a boca e a carteira? Carteira dele! Mas não... Lá vinha ela, falando. Falando sobre os gastos do dia.

- Pequinho, (Abreviatura carinhosa de Péricles de um jeito mais fácil e bonitinho. Enfim, tenho certeza que vocês já tinham entendido isto, antes mesmo que explicasse.) tava incrível! – disse ela toda excitada.

- O que estava incrível Moni-Cleide? – ele se arrependeria da pergunta, não tinha a menor dúvida.

- A promoção da Marisa! IN – CRI – VEL ! Uma saruel incrível por R$ 29,90, acredita!?

Péricles Januario respirou fundo, umas três vezes para ser mais precisa. Porque precisaria ir por partes. Passou lentamente a mão no rosto, na busca vã de controlar o nervosismo. Ele teria que enumerar as questões:

1 – Quantas vezes ele teria que ouvir a palavra incrível no mesmo dialogo em menos de dez minutos?
2 – Por que ela gastou, se ela SABE que estão em contenções de gastos!?
3 – Que raios é uma saruel????
4 – A última não era uma pergunta. Apenas uma constatação. Ele odiava a Marisa.

- Moni-Cleide... – ele queria não alterar o tom de voz, porque de verdade não queria magoá-la, mas ela PRECISAVA entender a situação.

- Ah mas você não sabe, o mais incrível-mara!! – ele respirou fundo, pelo menos agora, é “incrível-mara”. – Adivinha? Os Sneakers! Estão num preço muito melhor que em qualquer outro lugar.

- Moni-Cleide! Você não sabe que não estamos podendo gastar!? Qual é o problema, eu não acredito que você comprou essa tal saruel e mais um… um… Bom, se Sneakers não for o nome de um chocolate barato, é bom você nem me falar o que é!

- Como você ta grosso, Pericles Januario. Claro que Sneakers não é um chocolate, é um tênis com salto. Ultimo grito da moda!

- Grito, eu tenho vontade de dar com você!

- Amorex, eu já disse, estava na promoção…

- Incrivel! Eu ja sei Moni-Cleide.

- Sim! Isso! Fica tranqüilo, parcelei, nem vai sentir.

- Ta, nem quero mais falar nisso. Chega.

- Melhor, porque é uma bobagem. Vamos pedir pizza?

Péricles Januario arregalou os olhos e quase não pode crer no que ouvia. Não tinha jeito, as mulheres nunca entenderiam. Nunca! Sexo, aposto, que agora ela não queria fazer...

7 comentários:

Unknown disse...

Quem inventou dinheiro e quem inventou as crises né?! Não tinham o que fazer !!! hehehe, pra variar os nomes arrasam.
JuMenina

Ari Meireles disse...

Engraçado que mesmo a gente não gastando nada a conversa continua a mesma...nós estamos sem dinheiro, até mesmo se pedirmos pra comprar uma garrafa de coca pro almoço!!!!!!

Chico disse...

Mulher é foda mesmo!

Arturo Dinardo disse...

Klkkkk. Incrível e verdadeiro. Bjoca, Li.

Ariane disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ariane disse...

Mulherada admite vai a gente faz isso!

Quem é o sexo inteligente, nós! Então vamos administra melhor nossas finanças. Me orgulhem.

Rapha disse...

Muito bom! hahahaha
Mas Li, incrível mesmo é ter seu blog de volta...
bjos