quarta-feira, 14 de novembro de 2012

ENCHENDO LINGUIÇA.

É véspera de feriado. Ou seja, ninguém vai ler. Ninguém vai nem notar que não vai ter um nome composto. Não vão nem chegar aqui no blog hoje. E na segunda feira, então, esse texto já vai ser passado do passado. Ninguém vai lembrar que a Lica-feira passou.

Sendo assim, pouco importa o que eu escrever aqui neste texto. Posso escrever qualquer coisa. Como por exemplo: Eu já quis muito ficar com um padre. Oh!! Oh nada, grande coisa. Tenho certeza que ninguém leu isso. Sendo assim, morreu por aqui.

Posso também falar que me imagino um dia no Jô. Sabe? O Soares? Olha eu, falando "sabe", como se estivesse falando com alguém. Sendo, que obviamente hoje, não tem ninguém aqui. Está, a essa altura do campeonato, todo mundo rumando para algum canto. Mas é isso, me imagino no Jô Soares, não sei para falar exatamente o quê. Talvez do blog, talvez de um possível livro... Sei lá, nem acho que venha a acontecer mesmo. Mas me imagino. E tenho certeza absoluta que rolaria no final aquele "AHHHHHHHHHHHHHHH". E daí né? Isso nunca ninguém vai saber.

Tudo que eu vier a falar agora não vale de nada. Alguns até já estão bêbados, em algum lugar por aí. Imagina? Happy Hour comendo solto!!! Então posso até falar que acho o marido da minha amiga um gato, gostoso, tudo de bom. Isso, ela sabe, eu falo pra ela sempre. Falo até demais. Ela sabe que não é por mal, é só porque ele é gostoso mesmo! Mas para outras pessoas isso pode ser absurdo, motivo de julgamentos crúeis. Por isso, posso falar aqui agora... Ninguém vai ver mesmo, não faz a diferença.

Nesse momento, as estradas devem estar lotadas, o feriado para ajudar é prolongado. Acha mesmo que alguém tá aqui lendo. Ah ah ah. Eu tenho simancol. Sei que nesse "exato" momento, todo mundo tem mais o que fazer. E tudo bem, eu não os odeio por isso. Tá, talvez odeie um pouco. Talvez reze para chover no feriado todo, mas tranquilo, tipo inveja frutacor, sabe? Olha o "sabe" de novo, eu acho que to falando com quem? Oh dó.

Eu até arriscaria hoje, mandar um recado para um ex namorado sem noção. Mas aí, já seria demais. Ainda que hoje, eu fale com a parede, nem a parede merece esse assunto. Então, vou nos poupar de tal coisa.

Pois é... Feriado. E eu aqui escrevendo algo sobre nada, para encher linguiça. Só para não falar para mim mesma que deixei a Lica-Feira passar. Alguém por aí? Hey... Alguém?? Claro que não né? Obvio que não... Então tá. Vou nessa. Quem sabe o feriado me reserva algum padre, ops, quero dizer uma surpresa...

Mas olha só, se existir alguma santa alma lendo aqui, a torcida pela chuva é brincadeira tá? Não to torcendo não... Mas do marido da minha amiga, é verdade... Ohhhh se é. Mas abafa forte!!! E vamos em frente até que a próxima Lica-feira chegue.

6 comentários:

Ariane disse...

eu to aki.... ahh mas eu nao conto.

Felipe "Dero" Silva disse...

PADRE?

Unknown disse...

Eu to aqui a toa, com invejinha (do bem) de quem ta fazendo qualquer outra coisa, mas desejando que o tempo colabore, não sou de rogar praga. Com saudades do meu próprio dinheiro. E acabei de ler sim, amiga é pra essas coisas né, e da Li, eu digo, não duvido quase nada, o padre que resista, ou não. Quanto ao marido da amiga, eu não sou casada, ufaaaa kkk
JuMenina

Ari Meireles disse...

eu tb to aqui, vc devia saber que estariamos, mas a gente não conta. Queria ver esse padre que atraiu seus pensamentos rs

Helena Picciarelli disse...

Liiiii, eu liiiiiiiiiiii
kkkkk...
Ainda vou te ver no Jô....o Soares, sabe? rsrsrs
Bjssssss

Rafael Albino disse...

Hahahaha irreverente e ousado! Adorei!